Loading...

COMENTE

Caro Leitor,

Caso queira, na parte final de cada um dos Subsídios, você tem a liberdade de fazer seu comentário. É só clicar na palavra "comentários" e digitar o seu. Não é preciso se identificar. Para isto, após o comentário, click em "anônimo" e pronto. Que Deus continue abençoando sua vida, em nome de Jesus.







12 de fev de 2013

1º TRIMESTRE DE 2013 - LIÇÃO Nº 07 - 17/02/2013 - "A VINHA DE NABOTE"

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL
IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM ENGENHOCA
NITERÓI - RJ
LIÇÃO Nº 07- DATA: 17/02/2013
TÍTULO: “A VINHA DE NABOTE”
TEXTO ÁUREO – Gl 6.7
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE: I Rs 21.1-5; 15-16
PASTOR GERALDO CARNEIRO FILHO
e-mail: geluew@yahoo.com.br
blog: http://pastorgeraldocarneirofilho.blogspot.com/
 



I - INTRODUÇÃO:



Em sua conturbada trajetória na condição de rei de Israel, mais um episódio seria acrescentado na maculada biografia de Acabe.


Tudo começou quando Acabe desejou adquirir a vinha de Nabote, para transformá-la em sua horta particular (1 Rs 21.2).


A  proposta que Acabe fez a Nabote parecia justa, generosa e irrecusável, pois oferecia em troca uma outra vinha melhor, ou se desejasse, lhe daria em dinheiro o que ela valia.


Acontece que o valor da vinha para Nabote ia para além das questões mercantilistas. Ele considerava aquela propriedade uma herança inegociável, e cuja venda implicaria em transgressão ao mandamento do Senhor (Lv 25.13-28 e Nm 36.7).



II - A VINHA:


É um terreno, uma área que tem plantação de videiras, uvas.


Acabe, vendo que a vinha ficava próximo de sua casa, veio logo com a proposta tentadora, oferecendo um terreno melhor, ou dinheiro.


Louvamos a Deus que Nabote disse não. E também disse: "Guarda-me o Senhor que eu te dê a herança de meus pais".


Nós também temos uma herança: A SALVAÇÃO DA NOSSA ALMA, que nosso Pai Celestial tem deixado para todos que O aceitam e O seguem.


O mundo tem feito propostas ridículas para que abramos mão desta herança. Mas façamos como Nabote: Com firmeza, digamos NÃO.





III - TRÊS COISAS RECUSADAS POR NABOTE:



No momento da recusa em vender sua herança, Nabote recusou 03 coisas, pelo menos: O prestígio; o crescimento; e o dinheiro.


(1) - O PRESTÍGIO - Quem estava negociando com Nabote não era qualquer pessoa, e sim o rei Acabe, o rei de Samaria e de Israel, uma pessoa importante, de grande prestígio.


Talvez estejamos sendo tentados a trocar nossa herança (salvação) por causa de prestígio que alguém tenha nos oferecido; este alguém tem nome, título nobre, dinheiro e posição.



Tenhamos cuidado com esse tipo de pessoa, pois talvez estejamos prestes a  perder nossa salvação que Jesus, com grande sacrifício, nos concedeu, pagando um alto preço.


Nabote reconhecia que tudo aquilo era um sacrifício de vida inteira que seus pais fizeram no passado para que naquele momento pudesse desfrutar com alegria.


Hoje, qual é o reconhecimento que temos dado ao nosso Pai Celestial pela herança, pela promessa de vida eterna para nossa vida? Temos trocado nossa herança por PRESTÍGIO?



(2) - CRESCIMENTO - Muitas pessoas estão abrindo mão da sua salvação por causa do crescimento dado pelo homem, o que, certamente, amanhã murchar, irá perecer.


Observemos bem:


O rei Acabe disse: "Olhe, te dou por esta vinha uma melhor".


OLHA O CRESCIMENTO AÍ! Ou seja, Nabote podia obter algo maior do que já possuía e expandir!


Muitos querem expandir profissionalmente, ou dentro de seus ministérios, ou em seus patrimônios... No entanto, é justamente aí que devemos orar e vigiar, pois o inimigo de nossas almas e o nosso próprio ego tentam falar mais alto. É nessa hora que aparecem "homens importantes" fazendo propostas ridículas e corremos o risco de vendermos a nossa herança, nossa Salvação.


Em 1 Co. 7:20, o Senhor diz: "Cada um permaneça na vocação em que foi chamado".


Permaneçamos onde Deus nos colocou, porquanto, se Ele quiser mudar tudo, será para honra e glória dEle; só assim cresceremos na medida certa, no momento certo. Deus é quem dá o crescimento!


Nabote não se desfez da sua herança para conquistar algo maior!


Da mesma forma, não aceitemos o alimento do nosso EGO para depois dizermos: "eu cresci", "hoje sou grande", "agora tenho isso ou aquilo".


Não aceitemos nada da mão do homem, pois QUEM NOS ALIMENTA E CUIDA DE CADA UM DE NÓS É A MÃO DE DEUS!



(3) - DINHEIRO - Quando o assunto envolve dinheiro, muitos esquecem da família, dos amigos, dos ministérios e até de Deus.


Sejamos sábios, assim como foi Nabote. Não abramos mão da nossa herança. Aquilo que Jesus conquistou na Cruz é direito nosso, é nossa herança. Não há nada que possa comprar.


Vivamos a nossa vida de forma que não seja preciso fazermos troca ou venda de algo precioso que nos foi concedido pelo nosso Deus de amor.



IV - AS 03 PROPOSTAS DE ACABE PARA NABOTE:




1ª PROPOSTA DE ACABE: "DÁ-ME TUA VINHA PARA QUE A TRANSFORME EM HORTA"



(1) - Ao longo das Escrituras, a vinha sempre foi utilizada por Deus como figura de linguagem para representar a obra e o Reino de Deus;


(A) - Isaías 5:1 - "AGORA cantarei ao meu amado o cântico do meu querido a respeito da sua vinha. O meu amado tem uma vinha num outeiro fértil".



(B) - Isaías 5:7 - "Porque a vinha do SENHOR dos Exércitos é a casa de Israel, e os homens de Judá são a planta das suas delícias; e esperou que exercesse juízo, e eis aqui opressão; justiça, e eis aqui clamor".

              
(C) - Mateus 20:1 - "PORQUE o reino dos céus é semelhante a um homem, pai de família, que saiu de madrugada a assalariar trabalhadores para a sua vinha".

         

(2) - No Novo Testamento, Deus é chamado de "O Senhor da vinha" - Mateus 20.8 - "E, aproximando-se a noite, diz o senhor da vinha ao seu mordomo: Chama os trabalhadores, e paga-lhes o jornal, começando pelos derradeiros, até aos primeiros".



(3) - Nas Escrituras Sagradas, vinha é sinônimo de lavoura, de plantação, de seara, de ministério, de obra, de realização. 



Fala daquilo que o Senhor colocou em nossas mãos para fazermos;



(4) - O diabo quer transformar a igreja em horta! Existem igrejas hoje que não parecem mais vinhas do Senhor, mas parecem-se mais com a horta de Acabe.



(5) - O obreiro deve defender a vinha do Senhor que lhe foi dada por herança, mesmo que isto lhe custe a vida.




2ª PROPOSTA DE ACABE: "TE DAREI POR ELA OUTRA VINHA MELHOR"


(1) - O inimigo tem propostas, aparentemente, mais rentáveis para o obreiro do Senhor;

         

(2) - Quantos obreiros têm deixado de cuidar da vinha do Senhor para cuidar de empresas, de projetos políticos, de associações, de Conselhos disto ou daquilo. Porém, lembremos o que Jesus falou para Pedro:



"... Simão, filho de Jonas, amas-me?...  - Apascenta as minhas ovelhas" - João 21.16;



O Senhor não nos chamou para cuidar de outras vinhas. Por mais interessante que seja o projeto e por mais parecido que seja com a vinha do Senhor, não vale à pena!

        

(3) - O inimigo fará tudo o que for preciso para nos ver fora do projeto de Deus para nossa vida!




3ª PROPOSTA DE ACABE: "SE FOR DO TEU AGRADO, DAR-TE-EI O SEU VALOR EM DINHEIRO"


(1) - Observemos que Acabe tem argumentos que convincentes. Ele melhora cada vez mais a proposta.

         
"Se você não aceita que sua vinha seja transformada em horta; se você não troca a sua vinha por outra melhor, então venda-a" 




Esta é proposta do nosso inimigo. No entanto, devemos questionar a nós mesmos:



"Quanto vale o meu chamado? Quanto vale a vinha do Senhor que está sob minha responsabilidade?"









V - CONSIDERAÇÕES FINAIS:


Com a intenção de se destacar no meio eclesiástico, muitos cristãos passam por cima de seus pastores; pastores passam por cima de pastores; membros passam por cima de seus líderes; e por aí vai.




O desejo de se alcançar notoriedade, sucesso ministerial e ser reconhecido têm levado muitos irmãos a saírem da direção de Deus.




A grande maioria ainda não entendeu que: É Deus quem chama para o ministério; É Deus quem capacita; É Deus que dá o crescimento; É Deus que distribui dons segundo lhe apraz; É Deus que opera tudo em todos. E sem a vontade Dele nada se pode fazer e nada será feito.




Tem muita gente querendo ser levantada e consagrada por Deus na força. Lamento. Porém, desse jeito não será possível.




Deixemos a ganância ministerial de lado e façamos aquilo que Deus nos chamou para fazer.




O seu ministério não depende exclusivamente do seu pastor, apesar de que, ele será usado para consagrar-lhe e abençoar a sua vida. 




No entanto, em primeira instância, seu ministério está nas mãos de Deus. Deixe de colocar suas expectativas em homens. Olhe para Deus. Deposite sua esperança em Deus conforme diz o Salmo 40, verso 1.






Deixemos a ganância e qualquer tipo de sentimento carnal e vivamos a plenitude do fruto do Espírito.




“Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Contra estas coisas não há lei”. (Gl 5:22-23).





FONTES DE CONSULTA:

Estudo Bíblico: "Nabote Recusa Vender sua Vinha" - da Irmã Solange Laranjeira

Estudo Bíblico: "As Três Propostas de Acabe para Nabote" - do Pr. Lázaro Filho

Estudo Bíblico: "Vinha de Nabote - Alvo da ganância de Acabe" do Pr. Anderson Vieira

5 comentários:

Professora Nilza disse...

Uma bençãoooooooooo!!!
Aprendi muito, uma linguagem muito clara e de fácil assimilação!
Que o Senhor lhe abençoe... Estarei lhe acompanhando nas demais lições!
Pazzzzzz!!!

Anônimo disse...

Esta escola é abençoada gostei muito e que Deus continue trabalhando de forma gloriosa na vida de todos que lem

Anônimo disse...

essa coisa acontece dos dias de hoje não e diferente

pb...Luis Rafael Redmerski disse...

Deus continue abençoando sua vida pastor.....sou professor da ebd e muito contribui seus comentarios...abraço na paz do senhor...

GERALDO CARNEIRO FILHO disse...

Prezados irmãos em Cristo Jesus. A paz do Senhor.

Quero aqui agradecer de coração, as postagens de seus comentários, que muito contribui para a divulgação da santa e poderosa Palavra de Deus.

Permaneça Deus também abençoando grandemente suas vidas.

Abraços a todos, em Cristo.

PASTOR GERALDO CARNEIRO FILHO