Loading...

COMENTE

Caro Leitor,

Caso queira, na parte final de cada um dos Subsídios, você tem a liberdade de fazer seu comentário. É só clicar na palavra "comentários" e digitar o seu. Não é preciso se identificar. Para isto, após o comentário, click em "anônimo" e pronto. Que Deus continue abençoando sua vida, em nome de Jesus.







25 de jan de 2010

LIÇÃO Nº 05 - 31/01/2010 - "TESOURO EM VASOS DE BARRO"

IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM ENGENHOCA 
NITERÓI - RJ
ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL
LIÇÃO 05 - DIA 31/01/2010
TÍTULO: “TESOURO EM VASOS DE BARRO”
TEXTO ÁUREO – II Cor 4:7
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE: II Cor 4:7-12
PASTOR GERALDO CARNEIRO FILHO
e.mail: geluew@yahoo.com.br


I – INTRODUÇÃO:

• II Cor 4:7 - A obra do Senhor é cansativa, exaustiva, algumas vezes difícil e perigosa, até ao ponto da morte. Mas, há vitória: O PODER, A VIDA E A MENSAGEM DE CRISTO se manifestam. Pela graça divina, já possuímos esta preciosidade, porquanto o apóstolo Paulo diz: "TEMOS... ESTE TESOURO...". No entanto, devemos estar conscientes de que "ESTE TESOURO" está guardado em receptáculos de quem nada se espera: VASOS DE BARRO: não tem valor, são frágeis e não tem querer.

• Assim, pois, "... PARA QUE A EXCELÊNCIA DO PODER SEJA DE DEUS, E NÃO DA NOSSA PARTE", para a glória de Deus, exclamemos:

• - "ESTOU CRUCIFICADO COM CRISTO; LOGO, NÃO SOU EU QUEM VIVE, MAS CRISTO VIVE EM MIM..." - Gl 2:20;


• - "PORQUANTO, PARA MIM, O VIVER É CRISTO..." - Fp 1:21.


II – O BARRO NAS MÃOS DO OLEIRO:

• "MAS, AGORA, Ó SENHOR, TU ÉS O NOSSO PAI; NÓS O BARRO, E TU, O NOSSO OLEIRO; E TODOS NÓS, OBRA DAS TUAS MÃOS" - Is 64:8


• Na definição de Isaías, somos barro nas mãos do Senhor (nosso Pai e Oleiro). Vejamos algumas lições extraídas dessa bela metáfora:


• PRIMEIRA LIÇÃO: - "O BARRO NÃO TEM VALOR":


Destituído de importância, o barro não é objeto de disputas. Não há guerras entre as nações por causa do barro. Por causa do petróleo e do ouro, sim. Mas barro? Barro não é raridade, é comum.

• Alguns pensam que foram feitos de porcelana. Por isso, a obra de Deus muito sofre por causa de nossas vaidades pessoais, quando achamos que somos muita coisa. Mas Deus a todos fez do pó da terra! Somos de barro! Meditemos em alguns versículos da santa Palavra de Deus:


• - "PEÇO-TE QUE TE LEMBRES DE QUE, COMO BARRO, ME FORMASTE, E DE QUE AO PÓ ME FARÁS TORNAR" - Jó 10:9;


• - "EIS QUE VIM DE DEUS, COMO TU; DO LODO TAMBÉM EU FUI FORMADO" - Jó 33:6.


• Vamos ao exemplo de um vaso de barro que ninguém dava valor: - O PROFETA MICAÍAS – I Rs 22:


• (A) - Um profeta em tempos difíceis, mas familiarizado com os pensamentos de Deus (8)


• (B) - Um homem corajoso (17-23)


• (C) - Odiado por causa de seu testemunho (8, 18)


• (D) - Um mensageiro desprezado e perseguido (24)


• (E) - Um servo sofredor (26-27)


• (F) - Comprometido com a Palavra de Deus (28)


• (G) - Um profeta da verdade: Sua profecia se cumpriu (34-40)


• Por isso, diz a Santa Palavra a todos nós, vasos de barro: 

• - "AQUELE, PORÉM, QUE SE GLORIA, GLORIE-SE NO SENHOR. PORQUE NÃO É APROVADO QUEM A SI MESMO SE LOUVA, MAS, SIM, AQUELE A QUEM O SENHOR LOUVA" - II Cor 10:17-18.


• SEGUNDA LIÇÃO: - "O BARRO É FRÁGIL" 

Diferente do ferro ou do bronze, o barro se espatifa à toa. Facilmente os nossos projetos se desmoronam. Basta pequena pressão da vida para que os nossos sonhos se despedacem. Nossa fragilidade, entretanto, é a oportunidade de Deus:


• - "DE UM ASSIM ME GLORIAREI EU, MAS DE MIM MESMO NÃO ME GLORIAREI, SENÃO NAS MINHAS FRAQUEZAS" - II Cor 12:5

• - "... A MINHA GRAÇA TE BASTA, PORQUE O MEU PODER SE APERFEIÇOA NA FRAQUEZA. DE BOA VONTADE, POIS, ME GLORIAREI NAS MINHAS FRAQUEZAS, PARA QUE EM MIM HABITE O PODER DE CRISTO" - II Cor 12:9.


• Exemplo de um vaso de barro que se considerou frágil: - GIDEÃO - Jz 6.


• (A) - Foi animado pelo Senhor – (11, 12);


• (B) – Foi chamado por Deus, porque se preocupava com a situação espiritual do povo – (13);


• (C) – Deus o encontrou, o chamou e o capacitou – (14);


• (D) – Quando o tesouro (o Espírito do Senhor) o encheu,  o vaso de barro se animou - (35);


• (E) – As armas utilizadas pelo vaso de barro cheio do Espírito – (Jz 7:16-28);


• (F) – Sob a dependência do Oleiro, o vaso destruiu completamente o seu inimigo – (Jz 7:23-25);


• (G) – O vaso de barro só foi vitorioso quando:


• - (1) – Ouviu-se um claro testemunho através das buzinas (nas batalhas, o vaso louva);


• - (2) – Os cântaros foram quebrados (o vaso é frágil; por isso, se submete nas mãos do Oleiro); e


• - (3) - As tochas permaneceram acesas e forneceram sua clara luz (o vaso deve estar cheio do Espírito de Deus e da Palavra do Senhor).


• - "... E DIANTE DO TRONO ARDIAM SETE TOCHAS, AS QUAIS SÃO OS SETE ESPÍRITOS DE DEUS" - Apc 4:5


• - "LÂMPADA PARA OS MEUS PÉS É A TUA PALAVRA E LUZ PARA O MEU CAMINHO" - Sl 119:105


• TERCEIRA LIÇÃO: - "O BARRO NÃO TEM QUERER":


• - "AI DAQUELE QUE CONTENDE COM O SEU CRIADOR, CACO ENTRE OUTROS CACOS DE BARRO! PORVENTURA, DIRÁ O BARRO AO QUE O FORMOU: O QUE FAZES? OU A TUA OBRA: NÃO TENS MÃOS?" – Is 45:9


• - "VÓS TUDO PERVERTEIS, COMO SE O OLEIRO FOSSE AO BARRO, E A OBRA DISSESSE DO SEU ARTÍFICE: NÃO ME FEZ; E O VASO FORMADO DISSESSE DO SEU OLEIRO: NADA SABE" - Is 29:16


• Realmente, seria absurdo admitir um oleiro consultando o barro sobre a forma que este deveria receber. Mas ao barro não resta opção, senão render-se à vontade soberana do Artista que o manipula. 

Barro não faz birra; barro não dá berro; o barro fica em silêncio, submete-se, deixando-se ser trabalhado pelas mãos do Oleiro.


• Exemplo de vasos que não tinham querer: – DANIEL E SEUS COMPANHEIROS - Dn 3


• (A) – Foram corajosos e testemunhas fiéis;


• (B) – Tinham uma fé, como de criança, em Deus;


• (C) – Foram lançados na fornalha ardente;


• (D) – Suas amarras caíram dentro da fornalha;


• (E) – Passearam com o Oleiro dentro da fornalha;


• (D) – Alcançaram a liberdade dentro da fornalha;


• (E) – Receberam grande recompensa de Deus, o nosso Oleiro - Jr 18:6.


III - O QUE TEMOS EM CASA?:

• II Rs 4:1-7 - Quando Eliseu ouviu a queixa daquela mulher, ele perguntou: "O que tens em casa?". A mulher respondeu que tinha apenas um vaso com óleo.


• Nós também temos um vaso: o nosso coração, que podemos abri-lo ao Senhor, para que Ele possa enchê-lo com óleo: O ESPIRITO SANTO!!. Sem ele, não passamos de um clube ou uma associação; sem Ele, não passamos de um aglomerado de gente!! O que faz a Igreja ser um corpo vivo do Espírito do Senhor é um vaso (coração) cheio do óleo da presença de Deus!!!


• Quando o ambiente está azeitado pelo Espírito Santo, sentimos a presença da Glória do Senhor trazendo alegria ao ambiente. Transbordemos, pois, este óleo aonde quer que andemos: no colégio, no emprego, no trânsito, entre amigos.... precisamos do óleo do Senhor; precisamos de azeite para vivermos cheios da graça de Deus. E QUAL É O SEGREDO PARA ISSO??...


. ... SEPARARMO-NOS DO MUNDO! - Fechemos a porta para as novelas, para a promiscuidade sexual, para os jogos da loteria, para a mentira, para desonestidade, para a língua que difama e que fala da vida alheia.


• O filosofo dinamarquês, Soren Kierkegaard, disse: "NO DIA EM QUE A IGREJA E O MUNDO SE TORNAREM AMIGOS, A IGREJA DEIXARÁ DE EXISTIR" - Tg 4:4


• Deus não faz milagres em vasos cheios! Ele demonstra o Seu poder por meio de vasos vazios! Esvaziemo-nos, pois, da arrogância, do egoísmo, da vaidade, do amor ao dinheiro, da auto-justiça e entreguemo-nos nas mãos do Artista Perfeito. Enchamo-nos da Sua Palavra e do Seu Santo Espírito! O nosso Deus transformará o barro da nossa vida numa obra de arte valiosa, para Sua honra e glória - Ef 5:18-19; Cl 3:16.


IV - CONSIDERAÇÕES FINAIS:


• APESAR DE NÃO TER VALOR, DE SER FRÁGIL E NÃO TER QUERER, O BARRO CONTINUA SENDO A MATÉRIA-PRIMA DO ARTISTA - É somente Deus quem nos resgata da mediocridade; é somente nas mãos do Oleiro que:


• (A) - somos analisados;


• (B) - somos admirados;


• (C) - somos trabalhados;


• (D) - viramos obras de arte;


• (E) - somos exibidos na galeria dos "Heróis da Fé"; e


• (F) - ficamos valendo uma fortuna.


• Hoje, o nosso Oleiro continua a nos dizer:


• - "VASO DE BARRO, PRECISO DA TUA FRAQUEZA, PORQUE É POR MEIO DELA QUE O MEU PODER SE APERFEIÇOARÁ”.


• O que, de pronto e com reverência, devemos responder:


• - "Ó Deus, muito obrigado por habitar em nós o Teu grande poder. Mas reconhecemos, ó Senhor Jeová, que temos esse TESOURO EM VASOS DE BARRO, PARA QUE A EXCELÊNCIA DO PODER SEJA TUA, SOMENTE TUA, E NÃO DA NOSSA PARTE. Amém".


FONTES DE CONSULTA:


• Mil Esboços Bíblicos – Editora Evangélica Esperança – Georg Brinke


• Estudo Bíblico: “A Casa do Oleiro” – Pr. Jorge Valle


• Estudo Bíblico: “A visão do Oleiro” - Denílson Rodrigues


• Estudo Bíblico: “Como um vaso nas mãos do oleiro” - Davi Liepkan


• Estudo Bíblico: “O barro e o oleiro” – Pr. João Soares da Fonseca


• Estudo Bíblico: “Vasos cheios do Espírito” - Antonio Marcio

Um comentário:

Adrião disse...

Pastor gotei do estudo,pois tem muinto não querendo ser vaso de baro querem brilhar no palcos,querendo glori para si proprio,mas não para lovar a Deus.