Loading...

COMENTE

Caro Leitor,

Caso queira, na parte final de cada um dos Subsídios, você tem a liberdade de fazer seu comentário. É só clicar na palavra "comentários" e digitar o seu. Não é preciso se identificar. Para isto, após o comentário, click em "anônimo" e pronto. Que Deus continue abençoando sua vida, em nome de Jesus.







13/03/2010

LIÇÃO Nº 12 - 21/03/2010 - "VISÕES E REVELAÇÕES DO SENHOR"

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL DA
IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM ENGENHOCA
NITERÓI - RJ
LIÇÃO 12 - DIA 21/03/2010
TÍTULO: “VISÕES E REVELAÇÕES DO SENHOR”
TEXTO ÁUREO – II Cor 12:1
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE: II Cor 12:1-4, 7-10, 12
PASTOR GERALDO CARNEIRO FILHO
e.mail: geluew@yahoo.com.br


· No presente subsídio, focamos, apenas, um dos objetivos constantes da pág. 85 da Revista do Professor, qual seja: 

· - "Saber que nem a Igreja, nem crente algum pode depender de experiências sobrenaturais, como visões, revelações e arrebatamento de espírito para conhecer a vontade de Deus".

I – INTRODUÇÃO:

· Existem muitos por aí dizendo que estão recebendo determinadas revelações, que tiveram sonhos, visões, profecias e até contatos especiais com seres superiores. São indivíduos que dizem que estão entrando no mundo das coisas invisíveis, enxergando imagens e ouvindo diferentes sons, tendo assim experiências místicas.

· Outros há que falam em revelações de um modo exagerado. Para eles, tudo é entendido da seguinte maneira:

· (1) – “Deus me revela”;

· (2) – “Eu não fui revelado”;

· (3) – “Estou aguardando uma revelação”; e etc.

· São pessoas que acham que para tudo o que se vai fazer ou deixar de fazer é preciso “ser revelado”.

· Percebe-se que estas supostas revelações acabam gerando atitudes extremadas e pouco racionais, pois criam seitas, geram suicídios e mergulho num fanatismo sem precedentes, onde diversas decisões equivocadas são tomadas.

· Dito isto, procuraremos mostrar neste subsídio que tudo aquilo que acontece no viver do cristão precisa conferir com a vontade e a Palavra de Deus e ter respaldo nos ensinamentos de Jesus, também constantes da Bíblia Sagrada – Rm 16:25-27; Cl 1:23; Gl 1:8.

II – UM MOVIMENTO DE REVELAÇÕES:

· Jl 2:28 – “Profetizarão”, “terão visões”, “sonharão” – O movimento do Espírito Santo é um movimento de revelações do infinito. É uma das funções do Espírito Santo revelar aos homens as coisas de Deus de várias maneiras, inclusive quanto ao futuro distante, visando a edificação da Igreja de Jesus.

II.1 – PROFECIA:

· Falar na própria língua, sob a inteira unção do Espírito Santo. Constitui-se de vários elementos e tem a função de edificar, exortar e consolar – I Cor 14:3.

II.1.1. – ORIGEM DA FALSA PROFECIA:

· Via de regra, a falsa profecia tem duas origens:

· (A) – HUMANA – Jr 23:16, 21, 26 – Leva o homem a falar da sua própria mente ou coração (Jr 17:9). Exemplo: II Sm 7:1-13 (Natã e Davi).

· (B) – DIABÓLICA – Através de espíritos de mentira e de demônios que imitam os verdadeiros servos de Deus (I Rs 22:21-23; Dt 18:20-22; Jr 5:31; 14:14-16).

II.1.2 - MOTIVO DA FALSA PROFECIA:

· Enganar o homem para que este se rebele e se distancie de seu Criador. É por isso que surgem os falsos profetas – Jr 23:26-27; At 13:8.

II.1.3 - CARACTERÍSTICAS DA FALSA PROFECIA:

· (1) - Introduz heresias (II Pe 2:1-3);

· (2) - Defende as paixões humanas (II Tm 3:3-4);

· (3) - Engana, pois leva o homem a amar as concupiscências e o pecado (II Pe 2:18; Jd 4);

· (4) - Tem por fundamento a imitação (At 16:16-18);

· (5) - Tem por fundamento a falsificação (II Cor 2:17; Jr 23:26).

II.1.4 - CONSEQUENCIAS DA FALSA PROFECIA:

· (1) - Mensagens que defendem pecados e a desobediência a Deus (II Tm 4:3-4);

· (2) - Apostasia, por meio de fábulas e mentiras (II Tm 4:4);

· (3) - Induzem às tentações (Jr 23:14; Ez 13:22);

· (4) - Faz o povo de Deus naufragar na fé (I Tm 1:19);

· (5) - Faz Deus abandonar o Seu povo (Jr 23:32-33);

· (6) - Traz cegueira espiritual (At 13:11);

· (7) - Traz morte espiritual (Dt 13:5).

II.2 – SONHOS:

· Conjunto de imagens que se apresentam ao homem durante o sono. Nem todo sonho provém de Deus. À luz da Bíblia, entretanto, há sonhos que são preciosas revelações do Senhor, prevenindo, advertindo e orientando. Uns são simples sonhos e outros são a Palavra de Deus comunicada pelo Espírito Santo.

II.2.1 – ORIGEM DOS SONHOS:

· Sua origem pode ser:

· (A) – Divina – Jó 33:14-15;

· (B) – Humana – Ec 5:3, 7;

· (C) – Maligna – Jr 23:27, 32;

II.2.2 - FINALIDADES DOS SONHOS:

· (A) – Nenhuma (não precisamos confiar em sonhos naturais) – Ec 5:3, 7;

· (B) – Direção – Mt 1:20; 2:12-13, 19, 22;

· (C) – Advertência – Gn 20:3; Mt 27:19;

· (D) – Encorajamento – I Rs 3:5; Jz 7:13;

· (E) – Propósito profético – Gn 41:1, 5; 37:5-11.

II.3 – VISÕES:

· Algo que o homem vê, estando acordado - Mt 17:1-9. 

· Muitas vezes, quadros do infinito tem sido produzido pelo Espírito Santo e colocados à vista dos servos de Deus, através de maravilhosas visões – At 10:9-16; 16:9-10; 22:18.

II.3.1 – ORIGEM DAS VISÕES:

· Sua origem pode ser:

· (A) – Divina – Sl 89:18-19 cf Jr 1:11-14

· (B) – Humana – Cl 2:18, 23;

· (C) – Maligna – Ez 13:7; Jr 23:16;

II.3.2 – FINALIDADE DAS VISÕES:

· (A) – Mensagem profética – Hc 2:2-3;

· (B) – Situação pecaminosa do povo – Ex 8:1-3, 7-18;

· (C) – Direção e confronto – At 16:9-10; 18:9-10; 23:11; 27:23-24.

III – AS REVELAÇÕES NÃO TEM AUTORIDADE DOUTRINÁRIA:

· NENHUMA DOUTRINA OU PROCEDIMENTO PODE TER BASE EM PROFECIAS, SONHOS ou VISÕES, PORQUE ESTES NÃO PODEM SER IGUALADOS À REVELAÇÃO ENCONTRADA NA SANTA BÍBLIA. 

· As profecias podem ser julgadas; os sonhos e visões precisam ser provados! 

· Até mesmo aqueles sonhos, profecias e visões originados em Deus não tem nenhuma autoridade para acrescentar ou tirar algo da doutrina já revelada nas Sagradas Escrituras.

· Isto pelas seguintes razões:

· (A) – SELEÇÃO E INSPIRAÇÃO DIVINA – II Pe 1:21 - Todas as revelações mencionadas na Bíblia foram selecionadas e nela inseridas pela inspiração do Espírito Santo, com a finalidade de servir como pedra de toque a todas as manifestações que surgissem ao longo dos tempos – I Pe 1:10-12; Jo 20:30-31.

· (B) – AUTORIDADE SUPREMA – Mt 5:17-19; Jo 14:21; 15:10; II Tm 3:15-17 – Tudo o que está escrito na Bíblia deve ser aceito, crido e obedecido, pois é a autoridade suprema em todas as coisas pertinentes à vida e à piedade cristãs. Portanto, nenhuma profecia, nenhum sonho ou visão podem ser igualados à Bíblia; devem ser aferidos por ela. Qualquer coisa contrária à Palavra  do Senhor está errada e tem de ser rejeitada.

IV – CONSIDERAÇÕES FINAIS:

· Toda e qualquer manifestação, seja através de palavras faladas, escritas, ou por meio de atos, precisa ser examinada. A única coisa que dispensa qualquer comentário é a Palavra de Deus, pois:

· (1) – Ela é refinada – II Sm 22:31;

· (2) – Ela é provada – Sl 18:30;

· (3) – Ela é perfeita – Sl 19:7;

· (4) – Ela é muito pura – Sl 119:140; Pv 30:5.

· Assim, toda manifestação contrária à Palavra de Deus é inaceitável. Deus não se contradiz; Sua palavra é a revelação completa; não aceita nenhum acréscimo – Pv 30:6; Apc 22:18-19.

· PODE SER ATÉ MESMO A MENSAGEM DE UM ANJO! O QUE NÃO ESTIVER DE ACORDO COM A PALAVRA DE DEUS, DEVE SER REJEITADO – II Cor 11:4; Gl 1:8; Cl 2:18-23.

· Por isso, em nome de Jesus: - “EXAMINAI TUDO. RETENDE O BEM” – I Ts 5:21.


FONTES DE CONSULTA:


· Estudos Bíblicos Didaquê – Vol. XXXIII – Didaquê a Serviço do Reino;

· Lições Bíblicas CPAD – 4º Trimestre de 1989 – Comentarista: Estêvam Ângelo de Souza;

· Lições Bíblicas CPAD – 1º Trimestre de 1998 – Comentarista: Valdir Nunes Bícego

6 comentários:

Aldemir disse...

A paz do Senhor prezado Pastor. Quero aqui agradecer a Deus por tua contribuição como comentarista da Ebdweb, pois tem sido de grande valia e tem contribuído muito para nossa escola dominical. Que Deus continue te abençoando mais ainda.
Aldemir Gondim, 2º superintendente da Escola Dominical,da Assembléia de Deus em Upanema, Rio Grande do Norte.

Aldemir disse...

A paz do Senhor prezado Pastor. Quero aqui agradecer a Deus por tua contribuição como comentarista da Ebdweb, pois tem sido de grande valia e tem contribuído muito para nossa escola dominical. Que Deus continue te abençoando mais ainda.
Aldemir Gondim, 2º superintendente da Escola Dominical,da Assembléia de Deus em Upanema, Rio Grande do Norte.

Aldemir disse...

Pastor, o que o Senhor me diz da Bíblia DAKE?

GERALDO CARNEIRO FILHO disse...

Prezado irmão Aldemir,

A Paz do Senhor.

Louvo ao nosso Deus por poder estar contribuindo para o ministério do prezado com este simples trabalho.
Que o nosso Deus continue frutificando o seu ministério de ensinamento junto à Superintendência da EBD.

Quanto à Bíblia DAKE, tenho um exemplar e, apesar de pouco utilizá-la para pesquisa, nas poucas vezes por mim consultada, confesso que ainda não percebi as discrepâncias doutrinárias que tanto tem se falado sobre aquele material.

Para maiores esclarecimentos, sugiro ao prezado fazer uma visita ao seguinte blog:

http://cantinhodopastor.blogspot.com/2009/12/biblia-dake-discrepancias-doutrinarias.html

Perceba que caberá a cada servo de Deus, com a sabedoria dos altos céus, saber filtrar bastante e reter o que for bom.

Um abraço fraternal.

Aldemir disse...

A Paz do Senhor pastor. Muito obrigado pelas observações e apreço.
Um abraço
Do seu irmão em Cristo,
Aldemir

GERALDO CARNEIRO FILHO disse...

Irmão Aldemir,

Estamos à disposição do prezado para outras considerações, se assim o desejar.

Ratifico o meu sincero desejo de vê-lo brilhar e frutificar mais e mais neste santo e honrado ministério do ensinamento da poderosa Palavra de Deus.

Permaneça na paz do Senhor.